METIS

Instruções para Autores

Revisão das 00h11min de 14 de janeiro de 2016 por Paulo Santos (Discussão | contribs)


Âmbito


A plataforma METIS - Educação para a Saúde publica artigos de revisão sobre temas de medicina preventiva ou educação para a saúde. Aceita artigos escritos em língua portuguesa, dirigidos à população geral, numa linguagem que seja facilmente percetível para o leitor que não seja profissional de saúde.
Outras tipologias de artigos poderão ser ponderadas pelos editores. Os autores interessados poderão contactar previamente o conselho editorial, através do endereço eletrónico metis@med.up.pt.


Estrutura dos Artigos


Título

O título deve ser curto indicando claramente qual o tema a tratar.


Resumo

Breve resumo do conteúdo do artigo num máximo de 150 palavras. Deve ser claro e conciso sobre o tema abordado, o objetivo e a principal conclusão.


Artigo

Máximo de 700 palavras.


Revisão

Sem estrutura definida, tamanho máximo de 700 palavras.


Conclusão Chave

Uma frase com tamanho máximo de 30 palavras que resume a mensagem chave do artigo.


Palavras-chave

Devem ser indicadas 5 palavras-chave em língua portuguesa com base nos termos MeSH (Medical Subject Headings).


Imagens

O artigo pode ser acompanhado de imagens ou gráficos que resultem numa apresentação visual que melhore a compreensão do conteúdo. Todas as imagens devem ser acompanhadas da respetiva permissão dos autores para a sua publicação.


Bibliografia

As referências num máximo de 5 devem obedecer às normas de publicação de Vancouver. Serão colocadas por ordem alfabética do primeiro autor.
A lógica da bibliografia é permitir ao leitor um acesso rápido a outras fontes de conhecimento onde possam aprofundar questões relativas ao documento. Podem referir-se a publicações ou a sítios eletrónicos idealmente em português mas serão aceites em qualquer outra língua.
Devem conter a hiperligação ao sítio onde poderão ser consultadas.


Processo de submissão


Submissão de artigos

Os documentos devem ser enviados por correio eletrónico para: metis@med.up.pt. Os documentos a enviar incluem:

  • O artigo incluindo ilustrações, em ficheiros anexos à mensagem de correio eletrónico nos formatos Microsoft Word, RTF ou Open Office (texto, tabelas e diagramas) e JPEG, TIF ou EPS (ilustrações).
  • Formulário preenchido pelos autores.
  • Havendo fotografia de doentes, ou de exames auxiliares de diagnóstico, declaração de consentimento informado assinada pelo doente fotografado ou representante legal.
  • Cópias de quaisquer autorizações para reproduzir material já publicado, para utilizar figuras ou relatar informação pessoal sensível de pessoas identificáveis.


Percurso editorial

Os artigos recebidos são submetidos a um processo de validação administrativa; os artigos que não obedeçam à organização científica e à organização formal expostas nestas normas não serão aceites nem apresentados ao Conselho Editorial, sendo automático o processo de devolução.

Os textos que estejam de acordo com as normas são identificados por um número comunicado aos autores, que deve ser referido em toda a correspondência com a revista. Será considerada como data de receção do artigo o último dia de receção da versão eletrónica do artigo e dos anexos necessários. Os artigos aceites serão distribuídos a um editor responsável, que fará uma apreciação sumária e apresentará o artigo em reunião do Conselho Editorial. Os artigos que não estejam relacionados com a missão da plataforma METIS serão recusados.

Os artigos que estejam de acordo com as normas e que se enquadrem na missão da plataforma METIS - Educação para a Saúde entrarão num processo de revisão por pares. Aos revisores será pedida a apreciação crítica de artigos submetidos para publicação. Essa avaliação incluirá as seguintes áreas: atualidade, rigor científico, importância em Medicina Preventiva, interesse para a população, e adequação da linguagem. Cada artigo será apreciado por pelo menos dois revisores. Caso exista divergência de apreciação entre revisores, os editores poderão convidar um terceiro revisor. A decisão final sobre a publicação será tomada pelos editores com base nos pareceres dos revisores. As diferentes apreciações dos revisores serão integradas pelo editor responsável e comunicadas aos autores. Os autores não terão conhecimento da identidade ou afiliação dos revisores ou do editor responsável.

A decisão relativa à publicação pode ser no sentido da recusa, da publicação sem alterações ou da publicação após modificações. Neste último grupo, os artigos, após a realização das modificações propostas, serão reapreciados pelos revisores originais do artigo. Desta reapreciação resultará uma apreciação final por parte do editor responsável e a decisão de recusa ou de publicação, da qual os autores serão informados.


Conflito de interesses

Existe um conflito de interesses quando um autor (ou a sua instituição) tem relações pessoais, profissionais ou financeiras que podem influenciar as suas decisões, trabalho ou manuscrito. Nem todas estas relações representam verdadeiros conflitos de interesses. Por outro lado, o potencial para conflito de interesses pode existir independentemente de o autor acreditar ou não que esta relação afeta o seu julgamento científico. O potencial para conflito de interesses pode residir nos autores, revisores ou editores.

Desta forma, para manter a transparência no processo editorial, todos os envolvidos na publicação de artigos (autores, revisores e editores) são convidados a declarar potenciais conflitos de interesses. Caso os trabalhos tenham sido financiados total ou parcialmente por uma ou mais pessoas ou entidades, essa informação terá de ser publicada juntamente com o artigo.

A existência de conflitos de interesse e/ou financiamento externo não é critério de aceitação ou rejeição de manuscritos.


Cedência dos direitos de autor

Os autores concedem à plataforma METIS - Educação para a Saúde o direito exclusivo de publicar e distribuir em suporte físico, eletrónico, por meio de radiodifusão ou em outros suportes que venham a existir o conteúdo do manuscrito. Concedem ainda à plataforma METIS - Educação para a Saúde o direito a utilizar e explorar o manuscrito, nomeadamente para ceder, vender ou licenciar o seu conteúdo. Esta autorização é permanente e vigora a partir do momento em que o manuscrito é submetido, tem a duração máxima permitida pela legislação portuguesa ou internacional aplicável e é de âmbito mundial. Os autores declaram ainda que esta cedência é feita a título gratuito. Caso o artigo não venha a ser publicado, cessa imediatamente este direito.

Os autores autorizam plataforma METIS - Educação para a Saúde (ou uma entidade por esta designada) a atuar em seu nome quando esta considerar que existe violação dos direitos de autor.

Os autores têm direito a:

  • Reproduzir um número razoável de cópias do seu trabalho em suporte físico ou digital para uso pessoal, profissional ou para ensino, mas não para uso comercial (incluindo venda do direito a aceder ao artigo).
  • Colocar no seu sítio da internet ou da sua instituição uma cópia exata em formato eletrónico do artigo publicado na plataforma METIS - Educação para a Saúde, desde que seja feita referência à sua publicação e referido o link da página.
  • Publicar em livro de que sejam autores ou editores o conteúdo total ou parcial do manuscrito, desde que seja feita referência à sua publicação e referido o link da página.

Os autores aceitam que, em caso de conflito, a resolução deste acordo será feita em Portugal e de acordo com a legislação portuguesa aplicável.