Cera nos ouvidos

Autor: Rodrigo Loureiro, Daniela Azevedo

Última atualização: 2021/11/08

Palavras-chave: Ouvido, cera, cerúmen, otorrinolaringologia, hipoacusia



Resumo


A acumulação de cera no ouvido pode acontecer por diferentes razões. Dificuldade em ouvir, ouvir um zumbido, ter uma sensação de “ouvido tapado” são alguns dos sintomas desta acumulação. Geralmente, o interior dos ouvidos não necessita de ser limpo. Para reduzir a probabilidade de traumatismo do tímpano, não se deve utilizar cotonetes ou introduzir outros objetos ou produtos no ouvido.




Cera nos ouvidos


O termo médico para a cera de ouvido é "cerúmen". A cera ajuda a proteger a parte interna do ouvido contra lesões ou infeções. Mas o seu excesso pode causar comichão, dor e problemas auditivos. Dá-se o nome de “rolhão” quando a cera produzida pelo ouvido se acumula o suficiente para obstruir o canal auditivo e causar sintomas. As crianças e os adultos mais velhos têm maior probabilidade de ter estes “rolhões”.

O que causa a acumulação de cera?


Anatomy of the Human Ear pt.png

Existem várias causas da formação destes “rolhões” de cera no ouvido:

  • Doenças: Alguns problemas de saúde podem afetar o formato da parte interna do ouvido e dificultar a remoção da cera. Por exemplo, problemas de pele que fazem com que as células da pele descamem mais que o habitual, podem levar à acumulação de cera nos ouvidos.
  • Canal auditivo estreito: Os canais auditivos de algumas pessoas são mais estreitos do que os de outras, com maior probabilidade de ter impactação de cera no seu ouvido. Esta alteração pode ser constitucional ou provocada por lesões ou infeções do ouvido.
  • Alterações na cera e no revestimento do ouvido devido ao envelhecimento: À medida que as pessoas envelhecem, a cera fica mais dura e espessa, dificultando a sua drenagem.
  • Maus hábitos de limpeza dos ouvidos: O uso indevido de cotonetes ou de outros objetos ou produtos pode empurrar a cera para dentro do ouvido, em vez de retirá-la. Com o tempo, isso pode causar acumulação de cera, acabando por obstruir o canal.
  • Produção excessiva de cera: Algumas pessoas simplesmente produzem mais cera do que outras. Isso pode acontecer quando há retenção de água ou quando há um traumatismo do ouvido.


Quais são os sintomas de ouvido obstruído por cera?


Pode apresentar dificuldade em ouvir, ouvir um zumbido ou ter uma sensação de “ouvido tapado”. Esses sintomas podem ocorrer em um ou ambos os ouvidos.

Será que deve fazer lavagem do ouvido?


Geralmente, o interior dos ouvidos não necessita de ser limpo. O ato de limpar os ouvidos, sobretudo com a utilização de cotonetes, pode aumentar o risco de formação de “rolhões” de cera.

Como se trata a obstrução do ouvido pela cera?


Existem vários tratamentos para remover a cera do ouvido impactada:

  • Gotas para os ouvidos: Ajudam a amolecer a cera do ouvido e a sua drenagem. Este tipo de tratamento não é seguro quando existe infeção ou rutura do tímpano.
  • Lavagem: Em alguns casos, um médico ou enfermeiro pode remover a cera do ouvido por lavagem com um líquido adequado.
  • Instrumentação: um médico ou enfermeiro pode usar pequenos estiletes, ganchos, colheres ou aspiradores para auxiliar na remoção da cera do ouvido.


Conclusão


A acumulação de cera nos ouvidos é comum. Evite usar cotonetes para a limpeza do ouvido. Quando obstruído, consulte um profissional de saúde que poderá ajudar sem correr riscos.



Referências recomendadas


Alt text Alt text Alt text Alt text Alt text




Banner.jpg